terça-feira, junho 14, 2005

DEMOCRACIA - PALAVRA PROIBIDA

Um artigo do jornal "El País" lembra que na China, os utilizadores do serviço MSN Spaces, da Microsoft, que permite a criação de weblogs, não podem utilizar expressões como "democracia", "manifestação", "liberdade" e "direitos humanos". Google e Yahoo tiveram atitutes semelhantes e parecem assim colaborar com o governo chinês numa tentativa de controlar a comunicação na Internet.